... Porque parte de mim tem sede ... e a outra tem fome ... 

     Bem Vindo à Toca Da Leoa

                           Sensualidade & Erotismo à Flor Da Poesia




    



              


                
 
Textos


ALIMENTO COM FERMENTO



Quanta loucura, quando antecipa a fome
Anseio desesperado, precisa de alimento
As vezes nem lembra sequer seu nome
Só não esquece do seu pecíolo fermento!

Quanto descontrole, quando a fome vem
Fica em tresloucada apoquentação
Uma volúpia hercúlea que já não retem
Seivoso, varonil, descomunal tesão!

Quanto desiquilíbrio, com a fome a chegar
Perde o controle, foge o poderio
Animália no cio, carece acasalar
Num membro com fermento, teso e macio.

Quanta libido, quando a fome a toma
Fica em devaneio, comportamento aluado
Carne trêmula, sedutora axioma
Á espera do pene afermentado!

Quanto delírio, quando encontra sua caça
Então saciada, a loba acalma e descansa
No fogaréu impudico, agora só há fumaça
E no colo do levedo, se aninha e se amansa!




Click aqui e visite meu site "Toca Da Leoa"
CléiaFialho
Enviado por CléiaFialho em 28/03/2013
Alterado em 28/06/2017
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. Você pode copiar, distribuir, exibir, executar, desde que seja dado crédito ao autor original (**RESPEITE OS DIREITOS AUTORAIS**INCENTIVAMOS A DIVULGAÇÃO COM AUTORIA**É UM DIREITO DO CRIADOR QUE SE DEDICOU A COMPOR**E UM DEVER DO LEITOR QUE APRECIOU A OBRA**(Manu Hawk). Você não pode fazer uso comercial desta obra. Você não pode criar obras derivadas.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras
RESPEITE OS DIREITOS AUTORAIS. INCENTIVAMOS A DIVULGAÇÃO COM AUTORIA.
É UM DIREITO DO CRIADOR QUE SE DEDICOU A COMPOR.
E UM DEVER DO LEITOR QUE APRECIOU A OBRA.
(Manu Hawk)